open
How is the internet being used to improve people's lives? APC sends you news stories, resources and info about what we are doing twice a month.

Políticas de comunicação e informação - África

Na África, o foco principal da APC está no acesso à infra-estrutura. A África, atualmente, precisa pagar por uma das mais caras bandas largas do mundo e o dinheiro pago deixa o continente. Em razão de o Leste africano não possuir conexões de fibra internacionais, ele está pagando ainda mais que os países do Oeste africano, conectados ao controlado monopólio do cabo SAT3/WASC.

O site da APC FibreForAfrica.net possui informação básica sobre banda larga internacional na África, seus custos e a existência de monopólio para acessá-lo. Ele foca especialmente nos projetos de cabo propostos pelo Leste africano e o fim do monopólio do SAT-3.

Nosso projeto pesquisa de larga escalaSAT-3/WASC Exame Pós-Implementação: Estudos de Caso de País- documenta o efeito que o cabo SAT-3 tem tido nas comunicações no continente africano. Ele inclui:

  • O que aconteceu e por quê? Uma visão global da construção do cabo.

  • O que está acontecendo e como? Perspectivas nacionais do efeito que o SAT-3 tem tido no ambiente de TIC em Angola, Camarões, Senegal e Gana.

  • O que pode ter feito isto acontecer? Lições a serem aprendidas, fatores negativos a serem evitados, pontos positivos a serem absorvidos.

A pesquisa dará às campanhas melhor critério em explicar os problemas que ocorreram como resultado da adoção de certas decisões relacionadas ao SAT-3/WASC. Argumentos que apontam para as armadilhas do processo “fechado” de tomada de decisões serão defendidos pela apresentação de fatos e exemplos da vida real.

A APC tem * consultas e seminários co-organizados* com grupos chave incluindo reguladores, pressão que tem causado indiretamente uma tendência de declínio nos preços do SAT-3, já que o consórcio operacional tenta esvaziar intervenções regulatórias para baixar preços. Trabalhando com parceiros, a APC organizou um seminário com a sociedade civil sobre acesso aberto à infra-estrutura de TIC na África, o qual resultou em um número de recomendações para o encontro da UIT “Connect Africa”, em Kigali, em outubro de 2007.

O website de Monitoração de Políticas de TIC na África (africa.rights.apc.org) não tenta capturar todo documento de políticas, notícia ou atividade na África, entretanto, foca mais em assuntos e países nos quais a APC é ativa em campanhas de políticas de advocacy. Isto ocorre, parcialmente, porque uma avaliação indicou que o site era mais visitado por usuários internacionais do que por africanos.

O informativo Chakula utiliza abordagens “push” para alcançar uma maior audiência dentro da África, ao invés de esperar que tenham banda larga para acessar nosso website.

Sign in to APC.org